segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Amaldiçoado

Oii amores, desculpa a demora pra postar, mas bem, aqui vai mais uma resenha, espero que gostem.




Título: O Pacto (Amaldiçoado)
Autor: Joe Hill
Editora: Sextante (Arqueiro)
Paginas: 320

Sinopse: Ignatius Perrish sempre foi um homem bom. Tinha uma família unida e privilegiada, um irmão que era seu grande companheiro, um amigo inseparável e, muito cedo, conheceu Merrin, o amor de sua vida. Até que uma tragédia põe fim a toda essa felicidade: Merrin é estuprada e morta e ele passa a ser o principal suspeito. Embora não haja evidências que o incriminem, também não há nada que prove sua inocência. Todos na cidade acreditam que ele é um monstro. Um ano depois, Ig acorda de uma bebedeira com uma dor de cabeça infernal e chifres crescendo em suas têmporas. Além disso, descobre algo assustador: ao vê-lo, as pessoas não reagem com espanto e horror, como seria de esperar. Em vez disso, entram numa espécie de transe e revelam seus pecados mais inconfessáveis. Um médico, o padre, seus pais e até sua querida avó, ninguém está imune a Ig. E todos estão contra ele. Porém, a mais dolorosa das confissões é a de seu irmão, que sempre soube quem era o assassino de Merrin, mas não podia contar a verdade. Até agora. Sozinho, sem ter aonde ir ou a quem recorrer, Ig vai descobrir que, quando as pessoas que você ama lhe viram as costas e sua vida se torna um inferno, ser o diabo não é tão mau assim.



No livro Amaldiçoado, ou como é conhecido pelo título, “O Pacto”. Nosso querido autor Joe Hill, traz para nós uma história repleta de suspense, tramas e confissões. A história se passa em uma cidade pacata e tranquila chamada: Gideão, New Hampshire. E gira em torno, de 4 “amigos”, Ignatius, Merrin, Lee e Terry. Tudo estava tranquilo na cidade até que, ocorre um assassinato, e todos passam a culpar o jovem Ignatius. Daí em diante a vida dele passa por algumas mudanças drásticas e até mesmo beneficentes... e tudo e todos passam a ficar contra ele. “Quando o mundo está contra você, não custa nada ser o Diabo...”.
Contudo, que mudanças foram estas? Quem foi assassinado? Quem é o verdadeiro culpado de tal crueldade? Será que realmente vale a pena ser o Diabo?
E agora, vai o meu ponto de vista: Vou ser bem sincero com vocês, este foi o livro que eu mais demorei em finalizá-lo, pois o autor enrolou demais para depois expor a ideia que ele queria. Porém, ao lê-lo com mais afinco, e ao chegar à metade do livro... CARACAAA...  A história se tornou uma explosão de emoções e descobertas bombásticas. E tipo, eu fiquei tão empolgado que o terminei em dois dias. Vale muito á pena ser lido, pois faz com que nós reflitamos sobre até que ponto podemos chegar de acordo com o que nos é imposto. Bem, agora deixarei vocês com o gostinho de quero mais... HEHEHEHEHE.
MAAAAAASSSS, e aí? Ficou curioso? Então leia AMALDIÇOADO!