quarta-feira, 30 de julho de 2014

A Luz Através da Janela

Olá pessoas
Mais uma resenha pra deixar vocês curiosos sobre o livro.



Titulo: A Luz Através da Janela
Autora: Lucinda Riley
Editora: Novo Conceito
Paginas: 544


Sinopse: A Segunda Guerra Mundial deixou muitos destroços e segredos familiares principalmente na família de Emilie, os De La Martinières. Quando sua mãe faleceu, deixando o legado do château da família para ela, a única herdeira, Emilie fica devastada e quer vender tudo para que possa voltar à sua rotina comum de veterinária. Entretanto, Sebastian Carruthers aparece em sua vida para ajudá-la a cuidar de toda a documentação e a consola nos momentos mais difíceis. Emilie se apaixona pela sua gentileza e decide se casar com ele. Assim, ela se muda para a casa do marido, Blackmoor Hall, em Yorkshire. Contudo, a vida que ela, ingenuamente, pensa estar começando bem, trará a ela muitas surpresas e revelações do presente e do passado de toda uma geração.



Minha opinião:

Sua mãe acaba de morrer, mas você não sabe se fica bem (como se nada houvesse acontecido) ou triste, pois afinal era sua mãe.
Como será que seria a relação entre elas? Nota-se pela duvida que não era nada agradável.
Agora, sendo herdeira única de muitas posses, tem o peso de uma geração parisiense de alta sociedade sobre si. O que fazer? Como agir? Devo vender tudo e voltar a minha vida normal?
Algum tempo depois, alguém que conhece mais do passado de sua família do que ela mesma, lhe conta um pouco que sabe e que nem ela mesma sabia, Sebastian lhe ajuda a lhe manter instável enquanto ela quer desistir de tudo, e assim descobrem um cômodo oculto e que é um grande mistério.
Constance Carruthers ou Chapelle (como ficará conhecida) será a ligação entre seu passado com a do Sebastian, a quem acha que se apaixonou e logo fica noiva.
1943 2º Guerra Mundial, onde Constance foi enviada da Inglaterra para a França como agente da SOE. Por conta da invasão dos Alemãs. Mas logo é submetida a prova ao chegar no ultimo lugar em que deveria ficar, na casa dos De la Martinierès, mas é forçada a ficar e deixar seu disfarce, por algo improvisado para que não coloque em risco a vida de um dos membros da resistência em perigo. Mas no jantar o oficial Alemão fica encantado por ela, e ela tem de conviver recebendo visitas, para que qualquer informação que ele  solte seja útil para a resistência.
Emilie, já casada com Sebastian deixa a França e vai para Yorkshire na Inglaterra, para a casa de Sebastian Blackmoor Hall, onde conhece Alex, o irmão que só descobre quando está em casa. 
Como será ter que conviver com alguém que você não conhece e saber que agora ele é um familiar seu?
Saber que ele teve problemas com drogas e álcool (pelo menos acredita no que seu marido diz) deixaria-a mais nervosa? Mas saber que está paralítico, causaria que sensação? 
Tendo que ficar só naquela imensa casa com Alex, faz com que ela tenha um ataque de pânico. 
Mas ao conversar, ele demonstra ser inteligente, e só de olha-la parece desvenda-la, supondo coisas sobre seu passado, que a irrita. Mas por que? Por ele está certo?
Mas não tem outra companhia além dele neste novo lugar, que alternativa ela tem? Já que seu marido passa mais tempo em suas viagens a trabalho. Mas ao conversar mais com ele, ela percebe que ele é gentil, e mostra que as dificuldade pode ser superada.
Ela volta a Gassin, e pede para que Jacques continue a história sobre o passado de sua família.
De volta a 1943, o Alemão Falk, o qual pareceu se encantar tanto por Connie, parece desconfiar da família. Já Frederik seu irmã gêmeo, está apaixonado por Sophia e disposto a abandonar a SS (um posto bastante elevado de uma rede secreta) pra ficar com seu amor. Constance fica sabendo sobre uma ação da Gespato, no local  onde deveria se encontrar com sua amiga Venétia, tentando ajudar a ambas, Edouard vai em seu lugar, mesmo correndo grande risco de ser pego. Tentando não ficar parada, Constance tenta distrair Falk, que abusa dela. No dia seguinte ela é forçada a ser forte e seguir em frente, fugindo para o sul da França, para Gassin, com Sophia e Sarah, governanta e cuidadora de Sophia, mas no caminho ela é informada que Sophia esta grávida.  O que fazer? Grávida do inimigo? Se alguém não confiável descobrir? Como criar essa criança sem o pai e a mãe sendo cega?
Constance mesmo longe das garras do inimigo, não poderá voltar para sua terra e seu marido, terá de se tornar governanta e cuidar de Sophia, que agora mais do que nunca, está dependente. Mas quanto a Edouard? Será que foi presso? O que aconteceu com Venétia? Foi capturada? 
O dia tão esperado de Constance chega e ela tem sua vingança. Logo após Sophia entra em  trabalho de parto. Mas se acontecer algo que ela não possa controlar?  A criança nasce.
Mas ainda a segredos a serem revelados,mentiras a ser descoberta, e como Emilie reagirá a tudo isso? O que acontecerá com seu casamento? Ela vai conseguir seguir em frente agora que conhece o passado?


Esse é o tipo de livro que, fazer uma resenha sem dar spoiler é bem difícil, mas tentei assim mesmo.
Também um livro que deixa muita dúvida, e que são respondidas no decorrer da leitura.

Descubra tudo o que aconteceu lendo: A Luz Através da Janela.

Espero que gostem... quem já leu comenta o que achou do livro.